Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
A imagem traz várias moedas de 1 real espalhadas, simbolizando dinheiro esquecido.

“Dinheiro esquecido”: descubra se você tem valores deixados em contas que não usa mais

643.105 pessoas têm mais de R$ 1.000 disponíveis para saque, segundo o Banco Central. Veja agora se você tem algum "dinheiro esquecido".
Publicado em 01/03/2023
Leia em < 1 minutos
Allan Almeida

Índice

R$ 6 bilhões “esquecidos”. Esse é o valor que muitos brasileiros deixaram em contas bancárias que não usam mais, segundo o Banco Central (BACEN).

O relatório do BACEN mostra que 40 milhões de pessoas físicas e mais 2 milhões de empresas têm valores a receber.

E você pode fazer uma pesquisa para saber se há algum dinheiro seu “esquecido” em alguma  instituição financeira.

O BACEN reabriu a consulta ao Sistema de Valores a Receber (SVR), parado desde abril de 2022, nessa terça-feira (28). Pelo SVR, também é possível solicitar a devolução do valor.

Mas é preciso controlar o entusiasmo porque, segundo o relatório do BACEN, tem gente com mais de R$ 1.000 para resgatar; contudo, a maioria tem menos de R$ 10,00.

Veja:

  • Acima de R$ 1.000,01: 643.105 contas (1,37% do total);
  • Entre R$ 100,01 e R$ 1.000,00: 4.694.862 contas (10,03%);
  • Entre R$ 10,01 e R$ 100,00: 12.195.837 contas (26,05%);
  • Entre R$ 0,00 e R$ 10,00: 29.282.110 contas (62,55%).

Com fazer a consulta dos valores

O Banco Central criou uma página própria para que as pessoas físicas e jurídicas possam fazer a consulta:

https://www.bcb.gov.br/meubc/valores-a-receber

O sistema pede, apenas, o CPF ou CNPJ e data de nascimento. Se você tiver algum valor “deixado para trás”, o SVR vai trazer a mensagem “O CPF pesquisado tem valores a receber”.

No entanto, não é possível ainda saber qual o valor “esquecido”. Isso só vai ser possível a partir das 10h do dia 7 de março. 

O BACEN lembra que também é possível consultar e solicitar os valores de pessoas falecidas. Claro, desde que sejam representantes legais.

Outras matérias para você:

Compartilhe este artigo

Quero comprar

um imóvel.

Quero empréstimo
usando meu imóvel.