Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Organize sua vida financeira com o Home Equity

Vida financeira: como organizar a sua com o Home Equity

Muitas pessoas prejudicam a vida financeira por conta do cartão de crédito. O Home Equity é solução com juros mais baixos e prazo estendido
Publicado em 29/04/2022
Leia em 3 minutos
Allan Almeida

Índice

O cartão de crédito muitas vezes é um facilitador, um grande aliado que nos auxilia em momentos necessários. Além disso, trouxe maior segurança e é extremamente eficaz e prático.

Porém, quando usado de maneira desordenada, pode se tornar um inimigo que causa endividamento e pode prejudicar, e muito, a vida financeira.

É sempre bom lembrar que mesmo quando um estabelecimento diz que parcela determinado produto sem juros, na verdade as taxas estão embutidas nas parcelas, assim não temos como saber exatamente o quanto estamos pagando de juros no produto em questão.

Porque cartão de crédito pode prejudicar sua vida financeira?

O cartão de crédito é um dos maiores responsáveis pelo endividamento dos brasileiros. A Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste) realizou uma pesquisa e mostrou que 81% das pessoas consideram o mau uso do cartão de crédito o principal vilão responsável pelo descontrole das finanças.

É fundamental fazer o pagamento total da fatura, pois é no parcelamento da fatura que as pessoas acabam se enrolando em dívidas. Cartões de crédito possuem juros altíssimos, por isso é importante se limitar ao usar o cartão.

No Brasil, as operadoras de crédito trabalham com custo efetivo total (CET) de 452% de juros ao ano. Na prática, uma dívida de R$ 5.000,00 pode se transformar em R$ 22.600,00 em um período de 12 meses.

Mas o que é CET?

O Custo Efetivo Total (CET) é o conjunto de todas as taxas e encargos financeiros de um crédito contratado e também pode ser chamado de taxa efetiva.

Em uma operação financeira, as empresas destacam apenas as taxas de juros. No entanto, é importante saber o valor do CET, que é o montante que determina o real custo do contrato. A taxa do rotativo também é altíssima, isso acontece quando o cliente paga apenas parte da fatura e deixa o resto para o próximo mês. Os juros do rotativo podem chegar a mais de 300% ao ano dependendo da operadora.

Como organizar sua vida financeira?

O ideal é listar todas as dívidas, desde contas essenciais até as pequenas. O importante é anotar tudo para que você tenha noção de todos os gastos.

Se você mora com sua família, o ideal é que todos participem da reorganização da dívida, assim fica mais fácil identificar quais gastos supérfluos podem ser cortados.

É bom chamar todos os envolvidos para uma conversa, lembrando que para economizar é preciso fazer um esforço coletivo. Nesse momento a educação financeira é essencial, ou seja, buscar conhecimento sobre finanças pessoais pode te ajudar a sair do endividamento.

Quando a dívida se acumula e você está pagando parcelas com juros altíssimos, existe uma alternativa que te oferece uma taxa mais baixa, te dando a possibilidade de pagar a dívida em um período mais longo. Essa alternativa é o Home Equity.

Trocando uma dívida com juros altos por uma dívida com juros baixos e com um prazo mais longo você consegue reorganizar sua vida financeira. Certamente você pode amortizar essa dívida, pagando várias parcelas antecipadas. O importante é ter conhecimento do quanto está pagando de juros e o quanto poderá economizar na operação.

O que é Home Equity?

É o empréstimo com garantia de imóvel que oferece juros mais baixos do que os juros do cartão de crédito.

Para quem busca essa alternativa, o melhor é pesquisar várias instituições financeiras para conseguir melhores taxas e ter uma experiência positiva na operação.

Aqui na SejaBest temos várias parcerias que nos possibilita oferecer taxas mais baixas aos clientes, além de oferecer todo o suporte necessário com um atendimento personalizado todos os dias da semana.

Tem interesse no Home Equity?

Simule aqui

Outras matérias para você:

Compartilhe este artigo

Quero comprar

um imóvel.

Quero empréstimo
usando meu imóvel.