Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Plano de expansão de uma empresa

Plano de expansão de uma empresa

Confira o que avaliar na hora de montar o plano de expansão da sua empresa e quais estratégias definir nesse momento.
Publicado em 30/11/2022
Leia em 4 minutos
Allan Almeida

Índice

Chega um momento que todo empreendedor deve fazer o plano de expansão da sua empresa.

Sendo assim, é preciso fazer uma análise para saber quais estratégias utilizar nesse momento e quais pontos devem ser avaliados para ter sucesso nessa transição.

Em primeiro lugar, responda essas questões para elaborar o plano de expansão:

  • Quais são seus objetivos? Eles estão alinhados com o planejamento estratégico?
  • Quais são os resultados econômicos e financeiros esperados?
  • Quais são os recursos necessários para apoiar a estratégia de crescimento do negócio?
  • Quais estratégias financeiras serão necessárias para apoiar a estratégia de crescimento do negócio?
  • Quais são os riscos?
  • Quais obstáculos precisarão ser superados?

Principais estratégias para expansão

Na hora de expandir a empresa, o empreendedor deve pensar estrategicamente. Afinal, é um grande passo na jornada do negócio e precisa de total atenção.

Sendo assim, é preciso estabelecer quais metas e indicadores que serão monitorados.

Em geral, as expansões podem seguir essas principais direções:

  • mix de produtos (bens ou serviços);
  • unidades de negócio;
  • perfil de cliente atingido;
  • canais de venda.

Estratégia de expansão orgânica

Essa expansão se dá através da criação de novos produtos, desenvolvimento de novos canais de distribuição ou aumento do alcance da empresa no mercado-alvo.

É mais comum acontecer em negócios de pequeno e médio porte.

Estratégia de fusão ou aquisição

Acontece quando uma empresa se funde a outra ou compra uma empresa concorrente. Desse modo, aumenta o tamanho do negócio e, consequentemente, a chance de obter resultados positivos.

Muito comum ocorrer com grandes empresas.

Antes de planejar a expansão, o que avaliar?

Analisar, antes de tudo, a viabilidade da expansão é o que pode fazer a diferença entre fracassar e obter êxito nesse momento.

Portanto, a decisão de expandir precisa vir junto de ações para embasar, tecnicamente, o novo desenho que será modelado.

Mas como saber se a empresa está preparada para essa expansão? Clique aqui para saber o momento exato de expandir sua empresa

Mas afinal, o que analisar para montar o plano de expansão da empresa?

Diagnóstico atual

Analisar os pontos fortes e fracos da empresa é essencial nesse momento. Linhas de produção, vendas, canais de atendimento e comercialização precisam passar por uma análise.

Outro ponto é avaliar a evolução do faturamento, o nível de tecnologia adotado, a curva de crescimento, a capacidade produtiva, os diferenciais competitivos, a estrutura e os processos que sustentam o negócio.

Análise da concorrência

Essa é uma etapa essencial na hora de planejar a expansão da empresa.

Portanto, é preciso entender o posicionamento da concorrência, imagem que a marca carrega, o que leva o consumidor a escolher o concorrente, seus canais de distribuição, sua capacidade de inovação e quais ameaças apresenta.

Ou seja, entender como o concorrente se comporta é fundamental para definir estratégias de superação e enfrentamento dos desafios do mercado.

Gestão empresarial

É importante identificar alguns detalhes na gestão, confira a seguir:

  • integração entre os setores,
  • dados são compartilhados por todos os envolvidos;
  • comunicação fluida;
  • feedback do cliente retroalimenta as estratégias;
  • cultura interna permite que todos se dediquem aos mesmos objetivos.

Em primeiro lugar você deve ajustar essas questões para prosseguir com a expansão da sua empresa. Isso é necessário para que os esforços e investimentos alocados não sejam perdidos.

Gestão financeira

Para investir em uma expansão, é preciso verificar como está o setor financeiro da empresa. Evite criar uma bola de neve com muitas dívidas.

Equilibrar as contas e implementar controles internos são essenciais na hora da expansão.

Capacitação

Se o dono do negócio, o gestor e os colaboradores não souberem lidar com ferramentas básicas de gestão, o risco de uma má administração será maior.

Competências precisam ser expandidas na mesma medida que se deseja crescer o negócio. Para isso, invista na capacitação da sua equipe e também contrate profissionais que possam agregar nesse crescimento.

Marketing

Com o lançamento de um novo produto ou serviço, é preciso se atentar ao novo público que será atingido.

Por exemplo, se você vai abrir uma nova loja, é preciso entender os movimentos de consumo de quem circula pelo novo local. Já se é um e-commerce, é preciso analisar as preferências do cliente e sua jornada digital.

Para isso, estude o perfil do novo cliente e quais ações de marketing farão sentido para esse público que expande junto com o negócio.

Novas parcerias

Nesse processo de expansão, é importante avaliar a possibilidade de firmar parcerias com fornecedores que possam dar um suporte na transição.

Desse modo, você evita imprevistos, tanto para a empresa como para o cliente.

Inovação

O mercado é dinâmico e os consumidores são cada vez mais exigentes. Na era digital, é preciso oferecer uma experiência positiva ao cliente.

Inovar em canais de venda e na forma de atendimento pode ser o primeiro passo para demonstrar alinhamento com a realidade do mercado digital.

Desenvolvendo um plano de expansão para sua empresa

Depois de fazer todas as análises, você chega a conclusão que é a hora de expandir a empresa.

Em primeiro lugar, o plano deve prever qual o prazo que levará para a expansão sair do papel. Além disso, inclua também:

  1. Objetivos de marketing, incluindo metas e datas: quantos clientes a empresa pretende conquistar e qual será a base de cliente estimada em um tempo definido.
  2. Resumo dos objetivos comerciais, incluindo metas e datas: aqui entram itens como estimativa de venda e lucratividade em um determinado período e análise de desenvolvimento de novos produtos. Lembre-se de sempre utilizar metas SMART (ou seja: metas Específicas, Mensuráveis, Atingíveis, Realistas e Temporizáveis).
  3. Informações operacionais: local onde a nova unidade estará localizada e a necessidade de novos equipamentos, fornecedores e recursos.
  4. Informações financeiras: projeção de vendas e faturamento, previsões de despesas e projeção de fluxo de caixa.

Para o caso de apresentar o plano de expansão empresarial para investidores ou bancos, será preciso incluir:

  • Objetivos para cada área do negócio;
  • Registros financeiros dos últimos três anos; e
  • Informações sobre o produto ou serviço, bem como onde ele se encaixa no mercado.

Como conseguir dinheiro para expandir o negócio próprio?

Muitas vezes, o que impede a expansão da empresa é a falta de recurso. Por isso, trazemos aqui uma solução!

Uma das modalidades de empréstimo mais procurada nos dias de hoje é o Home Equity, o crédito com garantia de imóvel.

Muito vantajoso, esse empréstimo permite pegar um alto valor de dinheiro (até 60% do valor do imóvel) a juros baixos e com parcelas estendidas para pagamento.

Muitos empreendedores estão buscando esse crédito para expandir o próprio negócio. Então aproveite e realize seu sonho agora mesmo!

Faça uma simulação e garanta já o seu crédito!

Outras matérias para você:

Compartilhe este artigo

Quero comprar

um imóvel.

Quero empréstimo
usando meu imóvel.